top of page
  • Foto do escritorFabrício Girão

Barry Jenkins irá dirigir sequência de O Rei Leão

O diretor vencedor do Oscar substitui Jon Favreau, que dirigiu o remake da animação de 1994.

Divulgação/Walt Disney Studios

O portal Deadline noticiou hoje (29), com exclusividade, que a Disney contratou o aclamado diretor Barry Jenkins para dirigir uma sequência do live-action de O Rei Leão, lançado em 2019. Jenkins é conhecido pelos filmes Se a Rua Beale Falasse e Moonlight: Sob a Luz do Luar, esse último lhe rendendo o Oscar de Melhor Filme em 2017. Ele substitui o diretor Jon Favreau, que readaptou O Rei Leão depois do sucesso de Mogli: O Menino Lobo, em 2016.


O novo filme vai seguir com a proposta realista, aplicando a mesma tecnologia utilizada no longa de 2019. Jeff Nathanson, que escreveu o roteiro do primeiro filme, já finalizou um rascunho de roteiro para essa nova produção. É esperado que Adele Romanski e Mark Ceryak, parceiros de Barry Jenkins, atuem como produtores.


Barry Jenkins comemorando sua vitória no Oscar 2017 (REUTERS/Danny Moloshok)

O enredo da sequência está sendo mantido em segredo pela Disney, mas, ainda segundo a reportagem, a história irá utilizar elementos de prelúdio, com flashbacks contando a história de origem do Mufasa e expandindo a mitologia dos personagens já conhecidos.


Ainda não há data nem para o início da produção e nem para a estreia nos cinemas, mas o Deadline afirma que o filme está sendo tratado como prioridade principal dentro do Walt Disney Studios, já que O Rei Leão foi a segunda maior bilheteria de 2019, arrecadando 1,6 bilhão de dólares mundialmente.


Não se sabe se o elenco voltará para a sequência. O Rei Leão contou com grandes nomes: Donald Glover, Beyoncé e James Earl Jones foram alguns dos atores que deram voz aos personagens.


1 comentário


Luigi Pagano
Luigi Pagano
30 de set. de 2020

Que não seja ruim que nem o primeiro

Curtir
bottom of page