top of page
  • Foto do escritorFabrício Girão

Da Televisão ao Teatro: A Trajetória de Miguel Falabella

O dramaturgo, diretor e cineasta é o criador de O Coro: Sucesso Aqui Vou Eu, série musical brasileira que já está disponível no Disney Plus.

Divulgação/Disney Plus

A nova série nacional O Coro: Sucesso, Aqui Vou Eu estreou recentemente no Disney Plus com todos os episódios disponíveis. A trama conta a história de um grupo de jovens adultos, de diferentes origens, que veem no anúncio de um teste de elenco para uma famosa companhia de teatro musical brasileira a chance de alcançar seus sonhos adormecidos e fazer uma carreira no teatro.

Aproveitando essa grande estreia, conheça mais sobre a trajetória do criador e diretor da série: Miguel Falabella. Confira abaixo:


Origens e primeiros passos no teatro


Filho de um arquiteto e de uma professora universitária, Miguel Falabella de Sousa Aguiar nasceu no dia 10 de outubro de 1956, na cidade do Rio de Janeiro, e até os 17 anos viveu com sua família na Ilha do Governador. Ainda na adolescência, se apaixonou e começou a estudar teatro, tanto no colégio, quanto na tradicional escola de artes cênicas chamada O Tablado. Aos 18 anos, enquanto cursava Letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Miguel estreou nos palcos com a peça O Dragão, de Eugene Schwarz.


Reprodução/TV Globo

Em 1979, junto com diversos outros atores como Maria Padilha, Zezé Polessa e Fábio Junqueira, Falabella estreou seu primeiro trabalho como ator profissional com a peça O Despertar da Primavera, de Frank Wedekind. Já em 1982, estreou no cinema com o filme O Sonho Não Acabou, dirigido por Sérgio Rezende, e subiu novamente aos palcos com a peça A Tempestade, de Shakespeare.

Também no ano de 1982, Miguel estreia na televisão com o episódio Jan e Jim, da teledramaturgia Caso Verdade, programa exibido pela TV Globo que contava histórias baseadas em fatos descritos em cartas enviadas pelo público. Logo no ano seguinte, ele ganhou o papel do personagem Romeu na novela Sol de Verão, de Manoel Carlos, e dois anos depois interpretou Renato em Amor com Amor se Paga, de Ivani Ribeiro.




O destaque para o ator era grande! Tanto é que em 1987, ele passa a apresentar o programa diário Vídeo Show, recebendo convidados, fazendo entrevistas e apresentando matérias ao longo de 15 anos.

Ao todo, Miguel Falabella ficou 38 anos na TV Globo e, durante esse tempo, participou de mais de 30 programas e novelas, como A Grande Família, Toma Lá, Dá Cá, e Pé na Cova. Entre tantos sucessos, vale também destacar o seu icônico papel de Caco Antibes em Sai de Baixo, programa de humor que misturava suas duas paixões: a televisão e o teatro. A trama ficou no ar até 2001 e, posteriormente, ganhou uma temporada especial em 2013, e um longa-metragem, que – inclusive - foi roteirizado pelo próprio Miguel.


Reprodução/TV Globo

Destaque no teatro


O teatro sempre foi a principal paixão de Miguel Falabella. Durante sua trajetória artística, o carioca atuou e dirigiu dezenas de peças como Sereia da Zona Sul, Louro, Alto, Solteiro, Procura, Falabella Solta os Bichos, Querido Mundo, A Pequena Mártir de Cristo Rei e O Submarino.

Em 1990, ele venceu o Prêmio de Molière de Melhor Autor por A Partilha. A peça ganhou também o Prêmio Estrela do Mar, na Argentina, país onde ficou em cartaz por mais de três anos. Além disso, a trama foi posteriormente transformada em filme no ano de 2001 e rendeu o prêmio de Melhor Roteiro à Miguel Falabella, Daniel Filho, João Emanuel Carneiro e Mark Haskell Smith, no Festival de Cinema Brasileiro de Miami.


Já em 1997, a casa de espetáculos Teatro Miguel Falabella é inaugurada no Norte Shopping, no Rio de Janeiro (RJ). Administrada atualmente pela Cia de Atores de Laura, além de apresentar espetáculos, o local oferece também cursos de teatro para crianças, adolescentes e adultos.

Entre suas obras recentes, destaca-se Hebe: O Musical, peça dirigida por Miguel e que entrou em cartaz no ano de 2017. Estrelada por Débora Reis, a trama conta a história de Hebe Camargo, uma das maiores apresentadoras da história da televisão brasileira.


Divulgação/Disney Plus

O amor pelo teatro se transforma em série


Em 2022, a longínqua trajetória artística e musical de Miguel Falabella se encontra com a tradição e a magia da Disney. Dessa parceria nasce O Coro: Sucesso, Aqui Vou Eu, série nacional exclusiva do Disney Plus, que é - além de tudo - uma homenagem a todos os artistas e à toda forma de arte, inclusive o teatro.

Além de ter criado a produção e de co-dirigir ao lado de Cininha de Paula, Miguel também interpreta o personagem Renato Milva, um veterano produtor de teatro musical e atual marido de Marita Bell, a principal atriz da companhia. Ao lado dela, Renato é o grande responsável pela seleção de novos talentos que irá movimentar O Coro.



O Coro: Sucesso, Aqui Vou Eu conta com 10 episódios e grandes nomes no elenco, como Sara Sarres (Marita), Karin Hils (Marion), Lucas Wickhaus (Jorge), Daniel Rangel (Leandro), Luci Salutes (Sandra Regina), Mica Diaz (Alícia), Gabriel Hipólyto (Reginaldo), Graciely Junqueira (Ivone), Carolina Amaral (Antonia), Rhener Freitas (Maurício), Gabriella Di Grecco (Nora), Bruno Boer (Sissy), Guilherme Magon (Artur) e Magno Bandarz (Fernando). Todos os episódios da série já estão disponíveis no Disney Plus.


Siga o AD no Twitter e no Instagram para acompanhar as notícias dos filmes e séries da Disney em tempo real, todos os dias.

コメント


bottom of page